INÍCIO SOBRE PARCEIROS RESENHAS ENTREVISTAS CONTATO

segunda-feira, 30 de abril de 2012

Divulgação e parceria: Lígia Miraglia

Olá!!
O blog tem mais uma autora parceira! \o/
Ela é a Ligia Miraglia e escreveu o livro "Entre Dois Mundos". Obrigada Lígia, por confiar no blog. Vamos conferir a sinopse?

Sinopse:

Depois da experiência de estar entre a vida e a morte percebi que e a vida deve ser aproveitada a cada minuto. Porém o que não sabia é que ninguém que já esteve entre os dois mundos pode levar uma vida normal ao retornar. Quarenta dias em coma foi o tempo que levei para descobrir que eu ainda estava viva e que minha vida se transformaria em uma aventura. A vida que pensei me esperar se desmoronou com a morte do meu irmão Léo de apenas oito anos abalando toda família. E a minha vida foi modificada quando me vi sendo observada por estranhos e apenas um deles, Noah, seria o suficiente para me transformar em uma obcecada, maluca e completamente sem noção.  Em meio a tanta dificuldade descobri que o meu melhor amigo, Raul, sempre foi apaixonado por mim e nesse momento ele é o único para quem posso contar a verdade sobre as minhas visões, os meus medos e o que espero do futuro.

Queria ter morrido naquele acidente, pois eu tenho certeza que cedo ou tarde eu serei morta por Noah. Quando ele está ao meu lado é como se o meu pior medo estivesse se tornando real, meu corpo todo perde a força e eu só desejo estar morta.

Raul e eu descobrimos que não só ele estava apaixonado, eu também o amava. E uma avassaladora paixão teve início em nossas vidas. Ao saber que eu não era a única a ver esses seres, começamos uma investigação que para meu completo desespero sempre terminava em morte sem explicação ou em uma pessoa internada em um manicômio. Minha vida corria risco e os dias passavam como se a areia da  ampulheta estivesse se esgotando e tudo o que eu mais temia se tornava real.

Um mundo paralelo ao nosso existe e ele está mais perto do que todos nós imaginamos. Anjos, mitos e outros que eu nem fazia ideia que existissem. Sinto como se o meu mundo fosse uma mentira. Será que esse seria o meu fim? Eu estava predestinada a ser uma maluca em mais um dos corredores dos hospitais psiquiátricos ou o meu nome em breve estaria estampado em uma lápide ao lado da do meu querido irmão?

Ah... O meu nome é Alícia Martelli, tenho vinte anos e só consigo encontrar um pouco de paz quando estou ao lado de meu amado que tem feito de tudo para me ajudar a passar por tempos difíceis mesmo que não pareça ter fim.

Por quanto tempo mais terei forças lutar?


A Autora
Lígia Miraglia

sábado, 28 de abril de 2012

Memes #2

Olá Pessoal!
Quero me desculpar com vocês, por não postar nada esta semana. Além da correria habitual, fiquei com uma forte dor de garganta e não consegui fazer muita coisa. Quase não li nada essa semana, e infelizmente não consegui me dedicar ao blog. Desculpem mesmo.

Essa semana eu recebi dois Memes da Daiane, que comanda o blog No Universo da Literatura. Muito obrigada Dai, eu adorei!! *--*

O primeiro Meme não tem regras, então vou apenas repassar para alguns blogs.

Já o segundo é o Meme: Julgando pela capa, que eu achei bem interessante. Também repasso ele para os blogs citados ali em cima.

Livro que você já leu só pela capa:
Li pela capa e amei.
Que tipo de livro você não lê por causa da capa?
Não consigo pensar em nenhum agora. Estou tentando não me deixar influênciar apenas pela capa, não criar pré-conceitos do livro. Procuro ler a sinopse e, quando possível, algumas resenhas.

Que livro você relutou em ler por causa da capa, mas gostou? 
Achei a capa um pouco "apagada".
Que livro te decepcionou, mas você gostou da capa?
Quais são suas 5 capas preferidas:


Eu achei mais bonita que a original.

Ainda não li, mas amei a capa.
O que vocês acharam das minhas escolhas?

sábado, 21 de abril de 2012

Jean Pierre Augier: o mágico do ferro.


O escultor francês Jean Pierre Augier nasceu no ano de 1941 e passou a infância recolhendo ferramentas e sucatas no caminho da escola para casa. Em 1964, ao voltar do exército, ele aprende a soldar e passa a dar graça e forma ao ferro. Suas peças têm leveza, sensibilidade e movimento. 

Ele já expos as esculturas em importantes museus da Europa. A coleção pessoal de esculturas de Jean-Pierre, está em exposição permanente na Maison du Portal, em Nice no vilarejo de Saint-Antoine-de-Siga, onde o artista nasceu e vive atualmente. 
É um trabalho maravilhoso e digno de destaque. 

 Site do escultor

sexta-feira, 20 de abril de 2012

Entrevista com a autora: Fabiane Ribeiro

Boa tarde leitores! Hoje temos uma entrevista com a autora Fabiane Ribeiro, que já está para lançar o seu terceiro livro "A gente ama, a gente sonha". Ela é uma fofa e eu adorei saber um pouco mais sobre ela. Espero que vocês gostem.
@fabiribeirovet


Você sempre quis ser escritora?
Eu sempre amei ler escrever, mas confesso que nunca sonhei em ser escritora. Eu estava no quarto ano de faculdade de Medicina Veterinária, quando fiquei doente e parei os estudos por um tempinho. Nessa época, em meio a momentos difíceis, escrevi dois livros. Um deles é o romance “Xadrez”, minha primeira obra publicada. Desde então, a literatura passou a fazer parte da minha vida e dos meus sonhos.

Quais foram as suas inspirações literárias?
Admiro muitos autores, mas um que realmente amo é o Khaled Hosseini, o considero uma grande inspiração. Ele foi genial em “O Caçador de Pipas”, mas me conquistou ainda mais com “A Cidade do Sol”. Também adoro Carlos Zafón e, como sou fã de suspenses leves, meu grande ídolo desse gênero é Harlan Coben. Em termos de Brasil, gosto muito de ler Machado (claro) e também Fernando Sabino. E, por fim, não poderia deixar de citar a obra que influenciou não só a mim, como a minha geração, Harry Potter!

Quanto tempo você demorou para escrever “Corações em fase terminal”?
Uma semana. Ele foi, na verdade, um desafio que lancei a mim mesma. Havia levado sete meses para escrever o “Xadrez”, portanto, me desafiei a escrever um livro em uma semana e lançá-lo; assim surgiu o “Corações em Fase Terminal”.

Como surgiu a ideia de criar a Cidade dos Corações?
Eu tenho muita dificuldade pra determinar quando e como surge alguma ideia. Tudo vai surgindo aos poucos em minha mente e eu vou anotando, até o dia em que percebo que tenho material suficiente para um livro. Eu apenas começo a escrever um livro quando tenho seu esboço completo, principalmente o final pronto em minha cabeça. É um processo trabalhoso, mas gosto de ter tudo anotado, justamente para não correr o risco de ficar sem ideias durante a escrita. Portanto, a cidade foi surgindo aos pouquinhos, assim como tudo mais.

Qual a maior dificuldade que você enfrentou para publicar seus livros?
Encontrar uma editora comercial, que tivesse interesse em “bancar” a edição do “Xadrez” foi bem difícil. Sou muito ansiosa e esperei por um ano até receber meu “sim”, então foi complicado o processo de espera. Entretanto, agora também está sendo um desafio. Estou com duas obras publicadas, batalhando a cada dia para conquistar leitores e fazer meu nome ficar conhecido. Creio que esta etapa que estou vivendo seja a mais desafiadora.

Você tem alguma dica para os futuros escritores?
Se você realmente quer se tornar escritor, é importante ter organização. A diferença do escritor profissional e do amador, é que o profissional deve manter um ritmo de escrita, organizar suas tarefas e cumpri-las. Você é o chefe de si mesmo, então, organizar-se e cumprir metas é fundamental. Outra dica: escreva apenas sua verdade. Mesmo que seu gênero não esteja “na moda”, há leitores para todos os tipos de livros e, com certeza, você encontrará seu público. E, por fim, tenha consciência de que o mercado é competitivo e, inclusive, injusto para autores nacionais (ainda mais se são iniciantes), mas com o tempo e com as escolhas certas, a batalha vai se tornando cada vez mais prazerosa e o retorno faz valer a pena cada sacrifício.

De onde veio a inspiração para escrever o seu terceiro livro “A gente ama, a gente sonha” ?
A inspiração é sempre a vida! A minha inspiração vem de tudo ao meu redor, tudo o que já vivi, e tudo o que estava vivendo no momento em que escrevi o livro.

Deixe um recado para os leitores.
Agradeço a oportunidade e o espaço para divulgar meu trabalho no blog. E quero dizer para todos os leitores: vivam seus sonhos e não deixem nunca de acreditar que a vida nos reserva boas surpresas!

E, citando meu próprio livro, “Xadrez”: “Não há idade para sonhar e, muito menos, para buscar sonhos antigos. Os sonhos nunca morrem”. (pág. 368)

quinta-feira, 19 de abril de 2012

Sushi



  Eu comprei o livro "Sushi" por impulso, eu tinha acabado de ler "Férias" (resenha aqui) e pensei: o livro deve ser divertido na medida certa. Confesso que no começo fiquei com medo de ter feito uma péssima compra, pois demorei de novo para conseguir pegar o ritmo da leitura. Porém, assim como em "Férias", acabei gostando do livro. Não é espetacular, uma estória que não sai da cabeça, mas é gostoso de ler.  

  "Sushi" conta com três personagens principais: Lisa – uma editora pra lá de ambiciosa, que faz de tudo para alcançar o sucesso, Ashling – uma mulher insegura, que sempre quer ajudar a todos, e Clodagh – uma mãe insatisfeita com a sua vida. O leitor vai conhecendo a vida das três simultaneamente. O cenário é a redação de uma revista em Dublin, onde Lisa e Ashling trabalham.  Clodagh entra na estória como a melhor amiga de infância da Ashling. Lisa odeia Dublin e sempre acha defeito em todos os seus colegas de trabalho. Ela quer voltar para Londres e para a sua antiga vida, cheia de glamour. Ashling gosta de trabalhar e não quer se envolver com ninguém, mas conhece um famoso humorista e cede a seus encantos. Já Clodagh tem uma vida aparentemente perfeita: marido dedicado, filhos lindos e chatos, haha e nenhuma preocupação financeira. O que ninguém sabe é que ela não se sente atraída pelo marido e não gosta de viver só para cuidar dos filhos.  A estória mostra acontecimentos cotidianos e tem várias passagens divertidas. Porém, achei a maioria dos acontecimentos previsíveis. Salve uma reviravolta na vida de Clodagh, que eu tinha certeza da identidade do causador, mas me enganei.  

 Apesar dos acontecimentos engraçados e banais, o livro também mostra a fragilidade do ser humano. Por motivos diferentes, as personagens sofrem um colapso nervoso. Os efeitos são mais fortes em Ashiling, que entra em depressão. Depois de todo sofrimento, Lisa percebe o quanto foi dura com as pessoas ao seu redor e com ela mesma, e descobre que o sucesso não é a única forma de felicidade. Já Clodagh é um caso perdido, ela ainda tem muito o que aprender. O livro tem alguns pontos fracos, mas eu gostei da leitura.

domingo, 15 de abril de 2012

Dica da semana: A casa dos sonhos

Olá, fiquei sem postar nessa coluna por duas semanas pois só tive tempo de assistir a um filme e não gostei. Mas hoje ela está de volta com o filme A casa dos sonhos.

Elenco: Daniel Craig, Rachel Weisz, Naomi Watts, Marton Csokas, Claire Geare, Taylor Geare, Rachel G. Fox, Mark Wilson.
Direção: Jim Sheridan
Gênero: Suspense
Duração: 92 min.
Distribuidora: Warner Bros.
Lançamento: 4 de Novembro de 2011

  Will Atenton (Daniel Craig) é um editor que deixa seu emprego para passar mais tempo com sua mulher (Rachel Weisz) e suas filhas. Eles se mudam para uma casa que parece perfeita a primeira vista. Porém, acontecimentos estranhos vão tomando conta da vida da família, até que Will descobre que há alguns anos, sua casa foi cenário do terrível assassinato de uma mulher e suas duas filhas. O caso não tinha sido resolvido, mas o principal suspeito era o marido. 
  Para tentar descobrir o que aconteceu e acalmar a sua esposa, Will conta com a ajuda de sua vizinha Ann Paterson (Naomi Watts), que era amiga da família vitima da tragédia. A cada nova descoberta Will se vê cada vez mais perdido entre as provas e teme pela vida de sua família.
  O filme é muito interessante e faz com que o espectador participe do quebra-cabeça que se forma enquanto o Will tenta descobrir o que realmente aconteceu naquela casa. É um suspense que prende muito a atenção e nos faz querer descobrir o motivo do que aconteceu. Gostei bastante.

Trailer:




sexta-feira, 13 de abril de 2012

Parceria e divulgação: Laísa C.

  Bom dia! Eu estou um pouco sumida do blog devido a correria de trabalhar e fazer faculdade. Mas com o fim de semana chegando, vou tentar postar mais vezes!! 
  Hoje vim anunciar a parceria do blog com a autora Laísa C. Ela é autora do romance Lagoena, publicado em formato de série virtual pelo site BookSérie. Influenciada pelas obras clássicas de fantasia, contos de fadas e lendas locais que conhecia desde criança, Laísa esboçou os primeiros capítulos da obra com o intuito de apresentar aos leitores uma idéia original e mágica como encontrou em tantos outros autores que admira.
  Lagoena é apresentada ao leitor por temporadas e episódios. A primeira temporada intitulada A Terra Secreta tem 14 episódios completos, a segunda, A Pequena Guardiã, estreou dia 7 de fevereiro. Todas as terças o site BookSérie disponibiliza um episódio para leitura que é online e totalmente gratuita.
Laísa C.
Lagoena
Sinopse
   “Rheita era a única neta de um joalheiro falido. Seu pai havia desaparecido antes da menina nascer e sua mãe falecera no parto quando lhe dera à luz. Morava num país pequeno e isolado, muito ao norte, conhecido como Reino do Vinagre, numa época em que os lampiões ainda iluminavam as ruas de tijolos.
      Ainda em luto e rancoroso, Dordi Gornef, o velho joalheiro, por 10 anos mantinha em segredo uma grande descoberta: o significado da marca de um S que Rheita carregava na palma da mão. A menina, desde recém nascida, fora educada a usar uma luva na mão direita, para esconder um suposto defeito de nascença dos olhares curiosos...
      Porém, num certo dia, os esforços do joalheiro para manter o segredo não foram mais úteis. Rheita, que se tornou uma menina muito curiosa e inteligente, acabou encontrando um misterioso Mapa Mágico no abandonado quarto da falecida mãe e desde estão resolveu descobrir o que ele escondia, pois suspeitava que o desaparecimento do pai houvesse relação com o artefato mágico. A partir desse momento, sua vida fica totalmente ligada a ele e através de um chamado do destino Rheita e seu mais novo amigo, Kiel, embarcam numa aventura repleta de segredos ainda maiores, para além de outro mundo, para LAGOENA, A Terra Secreta que corre um grande risco de não mais existir, cabendo à menina salvá-la e proteger o tesouro do mapa da cobiça de um imperador amaldiçoado.”

Página da série no facebook
Twitter da autora: @LaisaCouto

terça-feira, 10 de abril de 2012

A arte de Erik Johansson

O sueco Erik Johansson é fotógrafo profissional e  talentoso manipulador de imagens.  Ele tira inspiração das coisas cotidianas e de artistas como Salvador Dali, René Magritte, entre outros. Em suas obras o surreal parece real. Erick ganhou sua primeira câmera digital aos 15 anos e começou a manipular imagens por diversão. Em 2007, começou a levar a sério as suas manipulações. O resultado é incrível! 

Confira mais obras no site dele.

domingo, 8 de abril de 2012

Livro comestível!

Já imaginou comprar um livro de receitas comestível? É isso mesmo, comestível! A editora alemã Gerstenberg Publishing House apostou nessa ideia e criou um livro com a receita da lasanha. As páginas são feitas de massa fresca, e em cada uma está impresso o modo de preparo. Depois de ler e seguir as instruções, é só colocar o livro no forno e saborear essa delícia. A ideia é inovadora e criativa. Vocês comprariam? 

sexta-feira, 6 de abril de 2012

Divulgação e novidades: Fabiane Ribeiro

Olá pessoal, tudo bem?
Hoje trago algumas novidades da carreira da nossa autora parceira Fabiane Ribeiro. "Xadrez" é o primeiro livro dela, e será relançado pela Editora Universo dos Livros no segundo semestre deste ano. Muito bom, né? 
A autora também vai lançar o seu terceiro livro, "A gente ama, a gente sonha". O livro vai ser lançado no formato de e-book, e terá resenha aqui no blog. :D

E tem mais, a Fabiane organizou um Concurso de Capas, do e-book "A gente ama, a gente sonha".
Regras:
-Enviar uma imagem em alta definição para ser usada como capa do e-book do livro "A gente ama, a gente sonha", de minha autoria, para o e-mail: assessoriaxadrez@gmail.com
-Ser seguidor do Blog Reino Xadrez.
-Residir em território brasileiro.

Prêmio:
O responsável pela capa escolhida ganhará, sem despesa alguma, um exemplar impresso de cada um dos meus romances já publicados: Xadrez e Corações em Fase Terminal. Ambos exemplares irão autografados e com marcadores.

Observações importantes:
A capa será usada apenas no formato digital, até a data em que o livro for publicado em formato impresso, e o criador da imagem vencedora terá que assinar um termo autorizando tal utilização.
A imagem ficará disponível em todas as redes sociais vinculadas ao meu trabalho de escritora, bem como ao meu blog e site.
O nome completo da pessoa responsável pela capa sairá no e-book, e constará no livro até a data em que ele for editado no formato impresso.
A capa pode ser feita em qualquer tamanho, desde que esteja em formato retangular e posição vertical. Ela deve conter o título do livro e o meu nome.
Serão aceitas imagens até dia 20 de maio de 2012 e o resultado será divulgado no mês de junho de 2012.
O mesmo participante pode enviar quantas capas quiser. 
Será divulgada apenas a capa vencedora.

Sinopse:
Uma narrativa futurista, em que a população vê-se cercada de poluição, máquinas e redomas. Por um lado, as classes nobres conseguem proteger-se do céu alaranjado. Em contraposição, aqueles que preenchem as classes média e baixa estão à mercê do Maquinário (governo moderno) e de graves problemas respiratórios. Religião é algo extinto, assim como os sentimentos; árvores frondosas e diversas espécies da fauna são encontradas apenas nos museus naturais. E o que dizer dos sonhos? São controlados por máquinas, assim como tudo mais na sociedade. Nesse cenário, Vanessa, ou melhor, Nenê, encontra uma carta esperançosa de alguém que previa a destruição do seu mundo, mas que acreditava na cura do mesmo. Uma carta escrita há muitos séculos... No ano de 2012. A carta convida-a a repensar suas atitudes e as de seus semelhantes, ao mesmo tempo em que a leva a conhecer um novo mundo: Nenê, pela primeira vez, sonha sem programar a Máquina de Sonhos e, assim, acaba conhecendo um rapaz misterioso durante seu sono. Sem saber seu nome, ou sem ver sua face, Vanessa sabe que o ama e que deve fazer de tudo para encontrá-lo e, assim, resgatar valores perdidos pela humanidade. Em sua trajetória, ela tem que aprender a lidar com assuntos há muito tempo banalizados, como família, morte e amor. Um livro sobre robôs, sonhos, romance e, sobretudo, sobre a reinvenção do ser humano.

Participem!! 

quinta-feira, 5 de abril de 2012

Um estranho no espelho



 O livro é narrado em terceira pessoa e conta simultaneamente a história de vida dos dois personagens principais: Toby Temple e Jill Castle. Depois de se decepcionar com a fraqueza do marido, a mãe de Toby assumiu os negócios da família e tornou-se uma mulher muito importante. Quando ela teve o filho, acreditava que ele ia ser muito famoso, e durante a criação de Toby, ela passou essa certeza para ele: não importa o que aconteça, ele ia ser um comediante muito conhecido. Já a família de Jill não tinha influência nenhuma, seu pai morreu no dia de seu nascimento e a mãe tornou-se uma fanática religiosa. Jill vivia entre dois mundos, sua mãe era costureira das pessoas ricas e com isso, a garota tornou-se amiga das crianças ricas, que tinham casas e brinquedos maravilhosos. Já na sua casa, Jill presenciava a crença da mãe de que tudo era pecado, e que ela ia ser punida por Deus. 

 Toby vai a Hollywood cheio de sonhos e crenças, mas percebe que o mundo não gira em torno dele. Ele passa por uma série de trabalhos humilhantes até conseguir chamar a atenção do empresário Clifton Lawrence. É ai que a subida para o topo começa.  Porém, mesmo rodeado de pessoas, Temple se sente solitário. Não importa quantas mulheres ele leve para a cama, sempre está carente. Ele se torna uma pessoa possessiva e de personalidade instável.

“_ Você se lembra do filme em que Charles Chaplin encontra o milionário? Quando o milionário fica bêbado, é amigão de Chaplin; quando está sóbrio, joga-o na rua. Assim é Toby Tample, só que sem a bebida.” Página 208.

 Depois de uma desilusão amorosa com um dos garotos ricos, Jill vai a Hollywood com o sonho de se tornar atriz. Depois de não coseguir nenhum emprego como atriz, ela fez vários “bicos”. Quando já fazia algum tempo que estava em Hollywood, Jill conhece um homem que parece estar na mesma situação que ela. Eles começam a namorar e ela é enganada e drogada para fazer um filme vergonhoso. Alguns anos depois, Jill percebe que o tempo está mudando sua fisionomia e que ela precisa arrumar um papel antes que sua beleza acabe. Ela vê no seu corpo a única saída para conseguir ajuda dos produtores e dos diretores. 

"Eles haviam mentido. O tempo não era um amigo que curava todas as feridas, era o inimigo que devastava e mutilava a juventude." Página 220

 Quando o caminho dos dois se cruza, Jill não acredita que Toby possa ajudar em sua carreira. Ao perceber que ele tem como proporcionar poder, ela muda e começa um jogo com ele, que está perdidamente apaixonado. Ela acaba cedendo e eles se casam.É ai que começa a vingança de Jill Temple contra os poderosos de Hollywood.

 Eu esperava mais do livro. Eu gosto muito das obras do Sidney Sheldon, mas não achei essa tão impressionante como as pessoas falam. Algumas partes são inesperadas, e acontecem várias reviravoltas, mas achei grande parte do livro previsível. A leitura é interessante, porém acredito que comecei a ler esperando muito do livro. 

segunda-feira, 2 de abril de 2012

Trato Feito


 A série Trato Feito mostra o dia a dia de uma loja de penhores em Las Vegas. Em cada episódio aparecem vários objetos diferentes, como armas de guerra, jóias, motos, pinturas, revistas, entre outros. É interessante pois o espectador sempre aprende um pouquinho da história do objeto: quando foi fabricado, por quem era usado e se era importante na época ou não. Nem tudo que aparece é vendido, mas eventualmente coisas que parecem não ter valor algum, acabam nos surpreendendo. A loja é administrada pela família Harrison.
 Trato Feito é exibido no History Channel, nos domingos e segundas. 

 Richard Harrison ("The Old Man") está sempre de roupa social e ele gosta de manter tudo organizado.(Direita)
 Rick Harrison é filho de Richard, e também comanda a loja. Ele tem um imenso conhecimento em história e é especialista em antiguidades. (Meio)
 Corey (“The Big Boss”), filho de Rick, ele tenta fazer tudo certo na loja, mas sempre acaba levando uma bronca. (Esquerda)