INÍCIO SOBRE PARCEIROS RESENHAS ENTREVISTAS CONTATO

domingo, 26 de agosto de 2012

Eu Sou o Mensageiro

Conheça Ed Kennedy: taxista patético jogador de cartas, um desastre no amor. Mora numa casinha alugada com seu cachorro viciado em café e está apaixonado pela melhor amiga. Seu dia-a-dia é uma rotina de incompetência, até que, sem querer, impede o assalto a um banco. Então recebe a primeira carta: um Ás. É quando Ed se torna o mensageiro...

Escolhido para socorrer, ele segue seu caminho na cidade ajudando - e machucando (quando necessário) - até que resta apenas uma questão: Quem está por trás de sua missão?

Eu sou o mensageiro é uma jornada enigmática repleta de humor, socos e amor.





Ed Kennedy  tem  19 anos e é um fracasso. Sua vida se resume a jogar cartas com seus três melhores amigos (Marv, Ritchie e Audrey) e trabalhar como taxista.  Quando ele interfere em um assalto a um banco, sua vida começa a mudar. Ele misteriosamente recebe um Ás de ouros, com três endereços escritos. Ao visitar os endereços, Ed percebe que tem uma mensagem para aquelas pessoas. E é aí que a sua jornada começa.

“Na luz fraca da minha sala, seguro a carta com cuidado, como de ela fosse quebrar ou amassar na minha mão. Tem três endereços escritos nela com a mesma letra do envelope. Leio devagar, com todo o cuidado.” Página 28

Gostei muito de como os personagens foram construídos e da relação entre Ed e seu cachorro, Porteiro. O autor criou uma personalidade para o cão, e durante o livro ele sempre esteve com Ed. Também gostei muito das mensagens que Ed teve que entregar. Sorri e me emocionei com o bem que seus pequenos ou nem tão pequenos assim gestos fizeram. 

O livro é narrado pelo próprio Ed e é dividido em 5 partes. Cada parte representa uma carta que ele recebeu e é ilustrada pelo naipe da carta.  Conforme Ed vai entregando as mensagens, ele não consegue parar de questionar quem está mandando as cartas. E nós, assim como ele, só vamos descobrir no finalzinho do livro. Achei um pouco sem sentido quando descobri a identidade do autor das cartas, mas, mesmo assim, gostei muito do livro e acho que deveria ser lido por todos que tiverem a oportunidade, pois ele nos faz refletir. 

“Se um cara como você consegue fazer o que você fez, talvez todo mundo consiga. Talvez todos possam superar seus próprios limites de capacidade.” Página 318

É tão fácil fazer alguém sorrir e melhorar a vida de alguém com pequenos gestos. Você já fez o bem por alguém hoje?
"Às vezes as pessoas são bonitas.
Não pela aparência física.
Nem pelo que dizem.
Só pelo que são." Pagina 199

13 comentários:

  1. Gostei da trama, parece que irei gostar livro...
    Att.,
    Luks

    ResponderExcluir
  2. Posso ser sincero? Não quero ler esse livro pelo simples fato de que ele foi escrito pelo mesmo autor de a menina que roubava livros e como eu odiei a enrolação e a narrativa complicada de AMqRL eu não estou afim de ler esse ai, mas quem sabe um dia...

    www.nadandoemlivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Awn, não conhecia esse livro, mas me pareceu muito interessante, ainda mais envolvendo cartas <3

    Beijos!
    Meu outro lado

    ResponderExcluir
  4. Oi Gabriela!

    Nossa, eu adorei. A estória parece ser bem interessante. Eu desisti esses dias de ler um livro desse autor bem no meio, e isso é um pouco raro para mim, de forma que fiquei um pouco receosa de ler algo dele. Mas acho que esta estória pode ser diferente, me parece.

    Beijos,

    Marcelle
    Best Therapy

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii Marcelle!
      Qual livro dele você desistiu de ler?
      Espero que goste desse :)

      Beijos

      Excluir
  5. Oi Gabriela, tudo bem? Você já leu A Menina que Roubava Livros, do mesmo autor? É muito bom também, e se você não leu, eu recomendo. Caso você já tenha lido, percebeu a enorme diferença entre os dois livros né? hehe
    Eu adorei Eu sou o Mensageiro, é um entre os meus prediletos, mas confesso que A Menina que Roubava Livros é minha enorme paixão literária. Concordo com você, que todos deveriam ler Eu sou o Mensageiro, passa umas reflexões e mensagens muito boas.
    Como li já faz tempo, acredito que devo reler por agora. Ah, e obter um exemplar também! hehe
    Beijos, parabéns pela resenha.
    http://alanahomrich.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii
      Tudo sim e com você?
      Já li sim, mas já faz alguns anos. Também gostei muito e gostaria de reler. Pena que eu não tenho o livro.
      Os são livros são bem diferentes, mesmo. Quando puder, releia sim! :)
      Obrigada Alana!!

      Beijos

      Excluir
  6. Essa capa é linda e sou fã do autor!
    Vou buscar mais informações a respeito!

    Um beijo,
    Vinícius - Livros e Rabiscos

    ResponderExcluir
  7. A proncípio , gostei do livro. A história parece ser interessante, embora você não tenha entregado muita coisa e eu fiquei brm curiosa para saber mais deste enredo.
    Gosto muito dos livros da Intríseca, são sempre muito bem cuidadosos com suas apostas literárias.

    Abraços,
    Islayne

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii Islayne!
      Eu fiquei com medo de falar muito e soltar spoilers. Também gosto bastante dos livros da Intrínseca.
      Obrigada pela visita! :)

      Beijo

      Excluir
  8. Eu li esse livro e tive as mesmas impressões que você!
    Super abraço.
    Coincidentemente postei minha opinião no blog ontem. :-)
    O seu blog, em especial, é uma delícia de blog! Design show de bola e conteúdo que acrescenta!
    Sucesso!

    Telma
    http://livrocomdieta.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii Telma!
      Vou conferir sua opinião.
      Muito obrigada, mesmo! *--*
      Volte sempre!

      Beijoo

      Excluir
  9. Eu já li e fiz resenha desse livro.
    Adorei, realmente é um livro que nos faz refletir.

    http://www.lostgirlygirl.com

    bjos

    ResponderExcluir