INÍCIO SOBRE PARCEIROS RESENHAS ENTREVISTAS CONTATO

terça-feira, 26 de fevereiro de 2013

Esperando por você



É hora de iniciar o segundo ano do Ensino Médio, e Marisa está pronta para um novo começo e para seu primeiro namorado de verdade. No entanto, depois do popular Derek convidá-la para sair, as coisas ficam complicadas. Além de seus pais se separarem e de Marisa ter uma briga com seu melhor amigo, Derek o amor da sua vida a deixa desapontada. As únicas coisas que mantêm Marisa são os podcasts de um DJ anônimo, o qual parece entendê-la totalmente. Mas ela não sabe quem ele é... Ou sabe?





Eu estava procurando uma leitura leve e imaginei que esse livro seria ideal. Confesso que no começo achei o livro leve de mais, mas depois peguei o ritmo da história e consegui apreciar. É um romance adolescente (a protagonista tem 15 anos), então tenha isso em mente quando for ler.

Aparentemente Marisa tem um vida invejável: uma família estruturada (uma raridade entre as amigas dela), boa condição financeira, ótimo relacionamento com o pai e seu próprio estúdio fotográfico. Mas, como sempre, existe um outro lado da história. Marisa sofre de distúrbio de ansiedade e enfrentou uma forte depressão no ano que se passou. 
"OK, fique calma. Lembre-se: controle seus pensamentos para poder controlar suas atitudes." Página 15
Decidida a deixar as coisas ruins no passado, Marisa quer se tornar uma pessoa diferente esse ano. O que ela mais deseja são mudanças, acontecimentos interessantes em sua vida e, principalmente, um namorado. O pretendido para o cargo é Derek, um dos alunos mais populares da escola. Quando Marisa percebe que seu sonho pode enfim virar realidade, ela entra em pânico. Ela acredita que se Derek descobrir que tudo que ela enfrentou no outro ano, ele vai considerá-la maluca e terminar tudo.

Enquanto o namoro de Marisa e Derek progride, a vida familiar dela desaba. Seus pais, que sempre foram exemplo de pessoas que se amam e se respeitam, se separam. Sua melhor amiga não conversa mais com ela e suas notas na escola estão ruins. Com medo de sobrecarregar seu namoro, Marisa guarda todos seus problemas para si e sente sua ansiedade aumentar cada vez mais.

A única maneira que Marisa encontra de se manter firme é escutar todos os dias o programa online de Dirty Dirk, um DJ anônimo que sempre conforta os adolescentes com sábias palavras. Marisa percebe que está perdendo o rumo de sua vida novamente. Será que vale a pena continuar em um relacionamento superficial? Seus pais merecem mesmo toda a culpa que ela está atribuindo? Será que não é hora de fazer uma nova mudança?

O livro conta com vários personagens interessantes. Nash é um nerd fofo que passa de parceiro de laboratório a grande amigo de Marisa. Sterling é sua melhor amiga. Por necessidade ela se tornou uma ótima cozinheira e sempre tem uma receita pronta para cada acontecimento. Sandra é irmã de Marisa e é bem irritante. Tia Katie aparece pouco e tem um papel parecido com uma irmã mais velha. Apesar de ter trinta e poucos, ela também está a procura do namorado perfeito.

Como eu disse, é um livro leve. Ele conta com algumas surpresas, situações engraçadas e até algumas reflexões. A leitura flui bem e é fácil se identificar com alguns medos da Marisa. O único ponto que me incomodou foi a identidade do DJ. A autora poderia ter sido mais sutil nas dicas. Recomendo para quem quer uma tranquila, confortável.
"Talvez seja simplesmente difícil enxergar o que está bem debaixo do seu nariz, ao mesmo tempo que você busca isso de modo frenético." Página 318
*Este livro foi uma cortesia da Editora Novo Conceito. 

sábado, 23 de fevereiro de 2013

D.I.Y: Marcador vampiro


Finalmente consegui trazer um D.I.Y. para o blog! Aproveitei que acordei cedo domingo passado e resolvi fazer um marcador de página. Usei uma imagem como referência e aproveitei os materiais que eu tinha em casa. Espero que vocês gostem!

1. Para fazer o molde você pode usar uma folha qualquer. Faça dois ricos de 10 cm na horizontal, com distância de 5 cm entre eles. O mesmo vale para os riscos na vertical. Depois faça mais dois ricos de 5 cm para fechar os quadrados.

2. Faça mais dois riscos, agora na diagonal, dentro dos quadrados.

3. Recorte o molde. Os dois triângulos da parte de fora devem ser retirados também. Risque o molde na cartolina preta.


4. Recorte um quadrado (5 cm x 5 cm) da cartolina vermelha e cole no centro do marcador.

5. Dobre um triângulo e cole o outro por cima.

6. Desenhe os dentes. Deixe uma borda de 1 cm em cima, para poder colar. Se preferir, você pode fazer apenas dois dentes.

7. Passe cola apenas na borda e cole os dentes.

8. Recorte um triângulo (5 cm x 5 cm x 7 cm) da cartolina preta e cole por cima dos dentes, para dar acabamento. Depois é só desenhar os olhos da maneira que preferir.


Meu irmãozinho também fez um, com olhos e dentes de "vampiro de verdade", haha.


Gostaram? Se alguém fizer, me manda a foto que eu posto na fan page. :)

Concurso Cultural: A Luz Através da Janela

Quem quer saber uma novidade boa?
A autora Lucinda Riley está vindo ao Brasil na próxima semana. Ela virá pesquisar o Rio de Janeiro, que será palco do seu próximo romance. Para comemorar a viagem da autora e a estreia da editora no Google+, a Novo Conceito vai realizar um concurso cultural. Você poderá participar de um bate-papo ao vivo com a autora Lucinda Riley e ainda concorrer a 20 exemplares autografados de "A Luz Através da Janela".

Para participar do bate-bapo você deve fazer uma pergunta para a autora clicando aqui. Você tem a chance de fazer a pergunta ao vivo ou de ter sua pergunta selecionada para que ela responda. Os leitores que tiverem as 20 melhores perguntas ganharão os livros.


quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

Resultado da Promoção de Aniversário

Hey!
Agradeço a todos que participaram da promoção de aniversário do blog. Fiquei feliz com a quantidade de gente que participou!! :) 
Já enviei um e-mail para o vencedor e estou aguardando a resposta. Caso o e-mail não seja respondido em 72 horas, o sorteio será refeito.
Sei que todo mundo está super curioso para saber quem venceu, então vou revelar logo! 
Parabéns Marisa!! Espero que você aprecie a leitura. :) 

Não ganhou? Participe da outra promoção que está rolando. Boa sorte!
Beijos

terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

O Assassinato de Roger Ackroyd


Três mortes estranhas em sequência despertam grande curiosidade na moradora de uma pequena vila inglesa. Ela tem então por vizinho um visitante, chamado Hércule Poirot. Essas três mortes envolvem respectivamente um assassinato, um suicídio e um segundo assassinato. O primeiro corpo é do marido de uma mulher que, depois, se suicida. Seu suicídio é seguido pela morte de um terceiro homem, que se descobre ser amante dela. A mulher, por sua vez, estava sendo chantageada em função de ter matado o marido para ficar com o amante. O assassino de seu amante talvez seja, então, o chantagista, que estava para ser descoberto, ou talvez não seja. Só três pessoas podem descobrir a verdade - a senhora inglesa, o detetive belga e o leitor brasileiro.


King's Abbot é uma vila movida a fofoca. Todo fato novo é comentado incansavelmente e chega aos ouvidos até dos mais desinteressados. Caroline é uma senhora que faz questão de descobrir e transmitir todas as informações sobre todos os assuntos. Fofoqueira de plantão, ela tem opinião formada sobre todos os moradores da vila. 

A notícia do momento é a morte da viúva Sra. Ferrars que, para Caroline, foi suicido. Ela tenta arrancar alguma informação de seu irmão o Dr. Sheppard, médico responsável por atestar a morte. Poucas horas depois, outra morte assombra a vila. Roger Ackroyd - amante da viúva- é assassinado dentro de sua própria casa. As mortes estariam relacionadas? Essa é a maior dúvida em King's Abbot.
"Homens saudáveis tendem a deixar o lugar cedo na vida, ,mas somos ricos em solteirões e oficiais aposentados. Nossos passatempos e recreações podem ser resumidos em uma palavra: "fofoca"." Página 19
Quando todos os fatos apontam para um único suspeito, o nosso querido detetive belga entra em cena. Hércule Poirot aceita interromper sua aposentadoria para resolver esse caso e, quanto mais ele investiga, mais as fofocas aumentam. Cada personagem revela sua própria teoria, mas o raciocínio de Poirot segue uma linha própria.

Poirot leva em consideração todos os mínimos detalhes e tem em mente uma simples premissa: não se ater ao que é dito e sim aos fatos. Para encontrar o culpado ele busca sentido nos fatos que não se encaixam. Um telefonema, uma cadeira e uma porta trancada. Tudo isso tem um papel importante e esclarece as intenções do assassino.

O livro é narrado pelo Dr. Sheppard, que passa a acompanhar as investigações ao lado de Poirot e registrar suas impressões. Confesso que esbarrei em alguns enigmas, mas, até certo ponto da história, eu acreditava ter descoberto tudo. Imaginem a minha deliciosa surpresa quando descobri que estava redondamente enganada. Como não poderia deixar de ser Agatha Christie criou uma intrigante história, repleta de mistérios e surpresas. Um dos melhores livros da Agatha que eu já li. Recomendo!
"Pelo brilho nos olhos de Poirot, percebi que ele notara seu objetivo. Ele permaneceu gentilmente inacessível, e bloqueou seus avanços tão bem que ela própria ficou perdida, sem saber como continuar." Página 301

sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

Tirinhas: Faz de conta

Hey queridos!  A tirinha de hoje foi enviada pela Paolla e é totalmente condizente com o momento. Vale lembrar que pequenas atitudes valem mais do que grandes palavras. O Brasil só vai mudar quando as pessoas mudarem  os seus atos.
Beijos!

terça-feira, 12 de fevereiro de 2013

Dica da semana: Assalto em dose dupla


Direção: Rob Minkoff
Gênero: Comédia, Policial
Duração: 87 min.
Elenco: Octavia Spencer, Patrick Dempsey, Ashley Judd, Jeffrey Tambor, Mekhi Phifer, Tim Blake Nelson, Pruitt Taylor Vince

Sinopse: Tripp Kennedy (Patrick Dempsey) caminha calmamente em um banco próximo do fim de expediente quando duas gangues diferentes involuntariamente aparecem para roubá-lo. Começa um tiroteio, e Tripp aborda a inteligente e bonita caixa do banco Kaitlin (Ashley Judd), para protegê-la. As gangues – uma claramente feita por profissionais e a outra por uma dupla de palhaços chamados Peanut Butter (Tim Blake Nelson) e Jelly (Pruitt Taylor Vince) – encontram-se num beco sem saída. O sistema de segurança do banco inicia o bloqueio do final do dia e tranca todos dentro do prédio. Durante a noite, um hilariante jogo de gato e rato segue enquanto Tripp e Kaitlin tentam salvar o dia, escapar de serem mortos e (quase) evitar de se apaixonarem...
Preparação para o sábado de carnaval: filmes e chocolate. Eu e meu namorado fomos alugar alguns filmes, mas, chegando à locadora, eu não conseguia achar nenhum que se destacasse. "Assalto em dose dupla" chamou minha atenção por estar na sessão de comédia. Gosto de filmes que unem gêneros diferentes e esse prometia ser uma comédia regada a suspense policial.

Tripp é um cara chato. Fanático por moedas e obsessivo por números, ele conversa com Kaitlin, uma bela caixa do banco que está prestes a se casar. Enquanto isso, duas gangues invadem o banco. A primeira formada por homens de preto, com máscaras e coletes a prova de balas. A segunda formada por dois homens desastrados e inexperientes.

Quando Tripp percebe que as gangues estão em um dilema, ele sugere que ambas continuem com seus planos e cada uma assalte uma parte do banco. A partir daí, tudo que poderia dar errado acontece. Começando pelo sistema de segurança do banco, que é acionado e prende bandidos e reféns lá dentro. A medida que a história vai se desenrolando, ela se torna cada vez mais interessante até chegar a um desfecho surpreendente.

Vale ressaltar que, apesar de ser um personagem chato, a interpretação do Dempsey é ótima. Tim Blake Nelson e Pruitt Taylor Vince também estavam excelentes como bandidos. Eles me fizeram rir muito. Não posso deixar de alertar que o começo do filme é um pouco parado. Não julgue o filme pelos primeiros minutos. O final realmente é muito bem feito. Vale a pena assistir! :)


Trailer:

sexta-feira, 8 de fevereiro de 2013

Para aproveitar o feriadão

Eu não sou a maior fã de festejar o carnaval. Não gosto das músicas, nem dos lugares super lotados. Mas, como qualquer outra pessoa, eu amo o feriado. É sempre bom ganhar alguns dias de folga, né?! Pensando no que eu iria fazer nesses dias, perguntei lá na fan page do blog (ainda não curtiu?) se alguém gostaria de ver algumas alternativas para aproveitar o feriadão. Muita gente curtiu a ideia, então preparei 5 dicas para fugir do carnaval.


Tire o atraso das suas leituras.  Se você, assim como eu, não resiste a promoções e tem vários livros acumulados: essa é a sua chance! O mesmo vale para as séries e filmes que você quer ver há séculos, mas nunca tem tempo.


Reúna seus amigos. Na correria diária nem sempre é fácil encontrar os amigos. Aproveite o feriado e organize uma festa informal ou um acampamento. Jogos também são uma ótima pedida, afinal é uma delícia virar a noite jogando baralho / vídeo game / jogo de tabuleiro!


Pratique esportes. Chame o namorado, a família, o amigo, seu cachorro ou vá sozinho. Independente da companhia faça uma caminhada ou jogue futebol. Pegue sua bicicleta e pedale até uma cachoeira ou algum lugar interessante da sua cidade.


D.I.Y. significa do it yourself ou faça você mesmo. Sabe aquela roupa ou aquele móvel que você enjoou? Aproveite o feriado e customize ou reforme. É incrível o resultado que você pode obter a partir de peças simples. Use sua criatividade.


Curta sua família e/ou seu namorado(a). Apesar da convivência diária com essas pessoas, nem sempre é possível gastar um tempo de verdade com elas. Faça um piquenique, organize um jantar ou apenas passe um tempo sem fazer nada, apenas aproveitando a presença da pessoa querida.

O que você vai fazer nesse feriado? Conte nos comentários!

quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013

Promoção: Organize-se



Quem quer ganhar o livro "Organize-se"? A Editora Gente disponibilizou um exemplar para sorteio! Para participar é simples, basta seguir algumas regras:

- Curtir a página da Editora Gente no facebook;
- Seguir o blog pelo GFC;
- Ser residente no Brasil;
- Preencher o formulário abaixo.

a Rafflecopter giveaway


Observações:

1) A promoção é válida até o dia 07/03/2013.
2) O ganhador terá até 3 dias para enviar seus dados para entrega do prêmio. Após esse prazo, o sorteio será refeito.

quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013

Organize-se



Em Organize-se, o leitor vai encontrar soluções variadas para os problemas mais comuns de arrumação, podendo escolher as mais adequadas ao seu caso e até mesmo adaptá-las ao seu estilo. Que tal experimentar até encontrar aquela ideal para você? Além disso, o livro também traz dicas para organizar viagens, cuidar da papelada em casa e no escritório e ainda apresenta ótimas sugestões para fazer a mudança de casa sem estressar. A organização não ocorre por obra de magia, você é que tem de criá-la, e isso requer motivação, planejamento, preparação, compromisso e atitudes adequadas, por isso o livro também oferece um plano que avalia sua situação, ajudando-o a pôr esse processo de transformação em movimento.

Essa é a primeira vez que leio um livro desse gênero. Eu sempre gostei de organizar as coisas, mas confesso que, na correria do dia a dia, não consigo mantê-las em ordem. É interessante observar que, durante e depois da leitura, algumas coisas se tornaram automáticas na minha cabeça. Eu realmente comecei a organizar vários aspectos da minha vida.

Um bom exemplo é a dica: se você não usou o objeto em um ano, não precisa dele. O livro me motivou a organizar todas as minhas coisas e, durante essas organizações, eu encontrei muita coisa que eu não precisava. No mesmo momento eu parava para pensar a quanto tempo eu não usava tal peça ou objeto e, na maioria das vezes, percebi que eu realmente não precisava. É sempre bom praticar o desapego, né?

Outra dica muito interessante é: arrume por partes. Tentar organizar o cômodo inteiro de uma só vez pode causar estresse e desmotivação. Organizar apenas uma parcela por dia torna a tarefa menos cansativa e mais prazerosa, pois você verá resultados imediatos. 
“Visualize os cômodos de sua casa como se fossem recipientes de determinadas coisa. Organizar um só recipiente e bem mais fácil do que tentar arrumar muitos simultaneamente.” Página 47
Quando você percebe que utiliza um objeto em determinado cômodo, mas guarda em outro lugar da casa fique atento:  esse objeto tende a ficar sempre fora do lugar. O correto é guardar objetos em lugar próximo de onde eles geralmente são utilizados.

O livro é super completo. Contém desde dicas para organizar sua casa até dicas para organizar sua rotina, sua viagem e seu escritório. É um bom exemplar para ter em casa, pois, apesar de aprender muitas dicas, nunca guardamos tudo, né? Como os temas são separados por partes e por capítulos fica fácil buscar uma informação no momento de necessidade.

A organização (pasmem, haha) do livro é super bacana. Cada capítulo tem um introdução e vários tópicos, muito bem explicados. Em algumas páginas, entre os tópicos, existem algumas citações e quadros amarelos, como se fossem post it, destacando alguma dica extra.

A autora explora situações comuns e coloca várias resoluções, o que garante que o leitor vai intender e, provavelmente, se identificar. Recomendo a leitura, principalmente para quem quer administrar a vida com mais facilidade. 
“Organizar-se, na verdade, é controlar a própria vida, escolher as prioridades, determinar o que é realmente importante e livrar-se do que é excessivo.” Página 15

terça-feira, 5 de fevereiro de 2013

Lançamentos do mês: Belas Letras

Quando vi que Tico Santa Cruz tinha escrito um livro fiquei curiosa. Afinal, apesar de não ser a maior fã da banda, sempre gostei de algumas músicas dele. Esse mês Tico lança seu segundo livro e me deixa ainda mais curiosa. Vamos conferir?


Esqueça a ordem poética da sedução neste livro de Tico Santa Cruz, vocalista do Detonautas Roque Clube. Porque os contos e poemas eróticos de Tesão conduzem o leitor a um mundo sem limites, sem preconceitos. A uma atmosfera enigmática que instiga a imaginação e desperta o desejo por uma aventura que entorpece o corpo. Carne, sexo, violência e força – o encontro de dois animais num confronto vital pela continuação da existência. O primitivo, o condenável, o que os outros não têm coragem de levar adiante por medo do pecado e do julgamento divino. Um prazer que assassinou a culpa, depois cuspiu o sangue no chão.





A editora Belas Letras está fazendo um trabalho incrível de divulgação. A editora divulgou um QR code  que contém um trecho do livro (a leitura pode ser feita através de um aplicativo presente no seu celular ou tablet). Ideia super interessante, né?


Quem ficou interessado no livro pode aproveitar a pré-venda e comprar o livro autografado. Mas corra, pois os exemplares são limitados.


Participe das redes sociais da editora e mantenha-se sempre informado sobre as novidades.

segunda-feira, 4 de fevereiro de 2013

Parceria: Jean Postai

Fevereiro começou com uma ótima notícia: o blog tem um novo autor parceiro! Jean Postai é autor do livro "O Advogado da Vida", um romance de tribunal que aborda a questão do aborto. O livro é repleto de suspense e questionamentos. Eu fiquei bem curiosa para ler. Vamos conferir a sinopse?

Quando começa o direito à vida? Essa pergunta fica quase impossível de ser respondida quando o médico Arthur Galanidel é preso por supostamente realizar abortos ilegais em sua clínica, inclusive em uma menor de idade. O advogado David é escalado para defender o caso, sofrendo a pressão da imprensa e da sociedade, que discutem se uma mulher tem ou não o direito de abortar e se o médico é ou não um criminoso. Será que David conseguirá convencer os jurados a inocentar o médico? Em quais situações é permitido a uma mãe optar por dar ou não à vida a seu filho? Neste emocionante thriller jurídico, as perseguições, tramas e provas são misturadas a todo momento, criando um romance fantástico, de tirar o fôlego. Tudo isso para, no final das contas, o caso ser julgado por sete jurados que decidirão onde começa e até onde vai o mais fundamental dos direitos: o direito à vida.



O Autor
Jean Postai iniciou sua carreira no mundo jurídico aos 14 anos, trabalhando como office-boy em um escritório de advocacia. Após, foi estagiário de Direito tanto em escritório de advocacia quanto no Tribunal de Justiça e bacharel, até tornar-se advogado, pós-graduado em Direito Civil pela PUC-PR. Atualmente, é sócio do escritório Souza Postai Advogados Associados, em Joinville, Santa Catarina. Além da advocacia, é apaixonado por viagens, razão pela qual já viajou para todos os continentes do planeta apenas com uma mochila nas costas, com exceção da Antártica (que não vai sossegar até conhecer).


                                                        Book Trailer

sábado, 2 de fevereiro de 2013

Lançamentos do mês: Novo Conceito

Fiquei impressionada quando vi os lançamentos de fevereiro da editora Novo Conceito. Sempre tem um ou dois livros que se destacam e chamam a atenção, mas, dessa vez, todos eles me conquistaram. As capas estão incríveis e as sinopses também. Vamos conferir?
Ahh, tem novidade no final do post! :)




Tamara Goodwin sempre teve tudo o que quis e nunca precisou pensar no amanhã. Contudo, de repente, seu mundo vira de cabeça para baixo e ela precisa trocar sua confortável vida da metrópole por uma cidadezinha do interior. Assim, Tamara logo se sente solitária e louca para voltar para casa.
Então, uma biblioteca itinerante chega ao vilarejo, trazendo junto um misterioso livro de couro trancado com uma fivela dourada e um cadeado. O que Tamara descobre ao longo de suas páginas a deixa surpresa. E tudo começa a mudar das maneiras mais inesperadas possíveis… Será possível mudar o amanhã?




O governo norte-americano contrata a renomada Agência de Detetives Van Dorn e seu agente igualmente renomado, Isaac Bell, para capturar um lendário ladrão de bancos conhecido como Assaltante Açougueiro. Este assassinara homens, mulheres e crianças, sem deixar nenhuma pista nem testemunhas. O detetive Bell lidera a busca e finalmente descobre a verdadeira identidade do Assaltante Açougueiro. E nesse momento inicia-se a verdadeira caçada.
Com um enredo intrincado, dois vilões extraordinários e a assinatura de Cussler em reviravoltas surpreendentes, A Caçada é o trabalho de um mestre no auge de seu talento.




Ruby McQueen nunca tivera problemas sendo boazinha, e sempre fez questão de ter um bom relacionamento com sua família, ir bem na escola e tomar boas decisões. Esse é o motivo do porquê ninguém fica mais surpreso do que ela mesma quando o mau caráter Travis Becker a suga para seu mundo de privilégios e ilegalidades, e ela o segue voluntariamente. No entanto, quando Ruby faz o impensável, começa uma louca aventura de várias gerações, conforme seus entes mais íntimos fazem de tudo para salvá-la dela mesma. Será que um verão pode mudar o que Ruby sabe sobre o verdadeiro amor, a família, o destino e seu próprio coração?


Quando Julie tinha 12 anos, sua irmã mais nova desapareceu e nunca mais foi encontrada. Uma perda que corroeu os laços familiares e deixou sua mãe obcecada pela busca da irmã.
Já adulta e com um prestigiado emprego, Julie conhece Monica, que a faz lembrar muito de sua irmã desaparecida há 17 anos. Elas se tornam melhores amigas, uma amizade que começa como um processo de cura para Julie.
No entanto, uma fatalidade abate a amizade e Julie se vê responsável pelo filho de Monica. Ela decide levar o menino para Biloxi, Mississippi, para encontrar a família que ele não conhecera.
A partir dessa viagem, Julie descobrirá segredos que estão ligados a sua família e seu passado…

Maggie Moran e seu marido são comuns, até um pouco tediosos. E é esse realismo que torna esta história tão eficaz e comovente…
Começa em um dia de verão, quando Maggie e Ira viajam de Baltimore para a Pensilvânia para um funeral. Maggie é impetuosa, desastrada, desajeitada, propensa a acidentes e tagarela. Ira é reservado, preciso, respeitável, tem uma mania irritante de assobiar músicas que traem seus pensamentos mais profundos e acha que sua esposa transforma os fatos de maneira que se encaixem na sua opinião sobre as pessoas que ama. Ambos sentem que seus filhos são estranhos, que a cultura das novas gerações está indo por água abaixo e que, de alguma forma, se enganaram com essa sociedade cujos valores não reconhecem mais. Mas esta viagem vai levá-los a refletir sobre estas angústias, e vai mostrá-los como é importante reavaliar seus sentimentos.

A busca por um novo começo pode levar a grandes revelações. Jo Marie Rose decide comprar uma pequena pousada, como forma de superar a morte do marido. Mal sabe ela que as surpresas que a esperam nessa nova empreitada. Seu primeiro hóspede é Joshua Weaver, que voltou para casa para cuidar de seu padrasto doente. Os dois nunca se conheceram pessoalmente e Joshua tem alguma esperança de que possam conciliar suas diferenças. No entanto, uma habilidade de Joshua há muito perdida prova que o perdão nunca está fora de alcance e que o amor pode florescer onde menos se espera.
A outra hóspede é Abby Kincaid, que retorna a Cedar Cove para comparecer ao casamento do irmão. De volta pela primeira vez em 20 anos, ela quase deseja não ter ido, devido às memórias trazidas pela pitoresca cidade. E conforme Abby se reconecta com sua família e seus velhos amigos, percebe que só pode seguir em frente se permitir-se verdadeiramente a isso.
*Atualizando. A Pousada Rose Harbor será lançado em março.

Como vocês adoram uma promoção, criei uma enquete para descobrir qual livro vocês querem ler. O livro com maior número de votos será sorteado pelo blog. \o/

*A votação termina dia 28/02/2013

sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013

Tirinhas: Direto ao ponto

Eu sei que essa coluna está um pouco abandonada, mas vou voltar a postar com mais frequência, tá? E, para voltar com tudo, a tirinha de hoje está repleta de polêmica. A maioria das pessoas está cada vez mais "preguiçosa" para ler, e muita gente atribui isso ao avanço da internet. Acredito que o problema não é a internet em si, e sim o seu mau uso. É incrível a quantidade de informações relevantes que podemos extrair da internet, mas, infelizmente, é mais comum ver as pessoas escolherem sempre os menores textos, os resumos e as opiniões massificadas. 

Qual a sua opinião? Conte nos comentários.