INÍCIO SOBRE PARCEIROS RESENHAS ENTREVISTAS CONTATO

quinta-feira, 5 de dezembro de 2013

Entre dois mundos - Revelações


Normalmente a nossa casa costuma ser um porto seguro. O lugar onde você quer estar e realmente se sente bem, mas no meu caso, infelizmente, a situação não é essa. Acabei de mentir para a pessoa mais importante de minha vida, meu querido Raul, eu deveria estar em Milão ao seu lado e não dentro de um avião, indo ao encontro do meu pior pesadelo... Noah, este é o nome do meu Anjo do Mal, aquele que está à minha espera. Depois de momentos horripilantes que passei ao seu lado, sei que este encontro não terminará bem. Tudo começou após um grave acidente, e nunca mais minha vida foi normal, cada dia que acordo viva e respirando, sinto que pode ser o último. Juro que tentei mantê-lo longe! No entanto, recebi a sua visita indesejada. Por mais que eu tivesse raiva de Noah, desta vez ele estava me dando uma chance. A oportunidade de ter um futuro, de estar viva e viver ao lado de minha família e Raul. Tudo o que eu queria era poder mudar as coisas, não ter escondido nada do que aconteceu a Raul. Talvez ele pudesse estar ao meu lado agora, me ajudando, dando força para que eu fizesse tudo certo e este temor que me consome diminuísse. Mas como nada em minha vida vem sendo fácil, sei que essa não será uma missão simples. Eu estou com medo, muito medo do que poderá acontecer no decorrer desta jornada ao lado de Noah. A verdade é que ele me apavora, o simples fato de me olhar com aqueles grandes e frios olhos azuis faz com que o meu coração pare de bater e o ar suma dos meus pulmões... 
“Entre dois Mundos - Revelações” é a continuação de “Entre dois Mundos”. A resenha cita alguns fatos relevantes do primeiro livro.

Quem acompanha o facebook do blog sabe o quanto fiquei feliz quando esse livro chegou. Comecei a ler poucos dias depois e entrei de cabeça na história. Fazia tempo que um livro não me prendia tanto assim. 

O livro começa com Alícia voltando para casa. Ela está mesmo disposta a cumprir seu trato com Noah e tentar lhe mostrar as vantagens de viver na terra. Ela sabe que é arriscado, mas, se conseguir convencê-lo, ele a deixará livre e viva.  

Poucos dias depois, para surpresa de Alícia, Noah aparece na faculdade em sua forma humana. Quando ela indaga quais suas intenções, ele explica que para entender os humanos precisa viver como um e, por isso, matriculou-se na faculdade como Thales, o novo aluno de astronomia. 

Alícia tenta ignorar Thales, mas acaba cedendo a sua insistência e começa a ajudá-lo a ter uma vida normal, ou quase. Thales resolve comprar um apartamento super bem localizado, com piscina e uma vista incrível. Também compra uma moto e faz amizade com alguns amigos de Alícia e com o pessoal da faculdade.  

Enquanto Raul (namorado de Alícia) não volta para o Brasil, ela tenta ajudar Thales a descobrir mais sobre sua origem e sobre seus pais. Ela percebe que por trás da fachada de anjo mal, existe uma alma confusa e solitária. Em pouco tempo Thales se torna uma ótima pessoa e um grande amigo. Mas, é claro que não poderia ficar assim, né?

O bom comportamento de Thales chama a atenção do Arcanjo Caído. Ele está decidido a fazer Thales retornar ao mal e matar Alícia. Agora, mais do que nunca, ela precisa de proteção. 

“Olhei para trás e não vi nada, continuei subindo e ouvi uma voz em mina cabeça, que dizia:
-Você não conseguirá salvá-lo!”  Página 95.

Revelações é um livro intenso. Somos apresentados a fatos do passado que explicam o porquê da condição de Noah e quais são suas opções para o futuro. Ao mesmo tempo presenciamos a ira do Anjo Caido e os conflitos no namoro de Alícia e Raul. Quando duas pessoas esperam coisas completamente diferentes do futuro, o presente acaba prejudicado. Como se não bastasse, Alícia ainda tem que conviver com um sentimento desconhecido por Thales. Por que ela tem tanto ciúmes da namorada dele? E porque é tão difícil se manter longe?   

Em alguns momentos, a atração de Alícia por Thales chega a ser cômica. Ela simplesmente não consegue controlar seus pensamentos. Como no primeiro livro, esses momentos “reais”, como organizar uma festa, viajar com os amigos ou fazer compras no shopping nos aproximam da história e tornam a leitura ainda mais prazerosa. 

Vale dizer que Léo, o anjo da guarda de Alícia, aparece novamente nesse livro. Ele está cada vez mais maduro. Também somos apresentados a novos personagens, mas não vou contar quem são para não estragar a surpresa. Outra coisinha que vale ressaltar é que o livro não é dividido em capítulos. Existem algumas divisões sim, mas elas não são tão frequentes. Então, quem não curte capitulo longo pode demorar um pouquinho pra se acostumar.  

Não sei se consegui escrever tudo que senti ao ler o livro, mas garanto que a leitura é ótima. O final deixa a gente roendo as unhas pra saber o que acontece no próximo livro, sério! Haha Ahh, e como eu já disse várias vezes, a capa é LINDA! 
“- É muito difícil não me envolver. Graças à coragem dele e seu esforço estou viva. - nem ela mesma sabia o que estava sentindo. Naquele momento, seus sentimentos pareciam um novelo de lã.” Página 130.
Resenha do primeiro livro aqui e entrevista com a autora aqui.

*Este livro foi uma cortesia da autora.

3 comentários:

  1. Parabéns pela Resenha, li o primeiro livro e adorei, agora estou ainda mais ansiosa para ler a continuação!

    Beijos e boas leituras!

    livrosobaluzdalua.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Jessica, se você gostou do primeiro, vai adorar esse. Acontece bastanteee coisa! :)

      Beijoo

      Excluir
  2. Oi Gabi, tudo bem? Ainda não li o primeiro livro, então li essa resenha bem por cima mesmo, hehe. A história parece ser interessante, quem sabe eu não comece a ler Entre dois Mundos nas férias, né?
    Beijos,
    alanahomrich.blogspot.com.br

    ResponderExcluir