INÍCIO SOBRE PARCEIROS RESENHAS ENTREVISTAS CONTATO

segunda-feira, 26 de maio de 2014

Entrevista: Igor Quadros

O entrevistado de hoje é o Igor Quadros, autor de O Livro de Almas. Ele revelou quanto tempo demorou para escrever seu primeiro livro e deu uma dica valiosa aos futuros escritores. Vamos conferir?

Quando você percebeu que gostaria de ser escritor?
Desde criança eu já escrevia HQ’s e brincava de criar roteiros para continuação de filmes que eu gostava. Mas, como romancista mesmo, foi aos 14 anos, quando tive a ideia de escrever O Livro de Almas.

Quais são suas inspirações literárias? Você pode citar um livro que te marcou?
Eu queria criar um universo fantástico que misturasse vários gêneros. Para essa obra, as minhas principais inspirações foram: Harry Potter, Os Sete, Dom Quixote. Um livro que me marcou foi A Coisa, do Stephen King. A trama criada neste livro foi uma grande referência.

Você mesclou o real e o fictício de forma bem equilibrada. Como foi feita a escolha dos nomes dos personagens e dos locais descritos no livro? 
Muitos nomes eu procurei me basear na personalidade que eles teriam e no lugar onde estariam. Muitos foram sugestões de parentes e amigos. 

Sei que “O Livro de Almas” terá continuação. Já tem previsão de lançamento? O que encontraremos no segundo volume?
Espero concluir o segundo livro no primeiro semestre de 2015. Ele contará a viagem que os protagonistas fizeram para o novo mundo. Será também abordado a história de vida dos predestinados que não tem tanto destaque no primeiro livro. Será respondido também algumas perguntas que deixei no primeiro, embora apareçam bem mais no segundo.

Quanto tempo você levou para escrever “O Livro de Almas”?
10 anos. A vida acadêmica e algumas evoluções na minha escrita adiaram um pouco a conclusão.

Você encontrou dificuldades para publicar seu livro?
Mandei o original para três editoras. Eu fui recusado por uma, aceito pela Novo Século e até hoje esperando a resposta da outra.

Qual a sua dica para os futuros escritores?
Eu aconselho que os futuros escritores procurem ler de maneira mais crítica, no sentido de avaliar o porquê de determinada frase ser usada, como o autor estruturou sua obra, quais as figuras de linguagens empregadas, como determinado personagem foi construído.

Deixe um recado para os leitores.
Leitores, eu tentei escrever uma obra que eu gostaria de ler quando era adolescente. Coloquei nela terror, humor e fantasia. Quis colocar uma linguagem fluida e um ritmo bom para que sua leitura não ficasse monótona. Espero que gostem.

6 comentários:

  1. Gostei muito da entrevista ^.^
    Acho que se eu escrevesse um livro meu maior problema seria com nomes, sou péssima pra isso.

    memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii Inês!
      Deve ser uma grande dificuldade, né?

      Beijo!

      Excluir
  2. Eu não o conhecia, mas adorei a entrevista! ♥ Gostei muito daqui, caso goste do eu blog, segue também?

    >> Nosso blog, visite!
    - xoxo –

    ResponderExcluir
  3. Adorei a postagem! Li ela num momento especial. Meu maior sonho é ser escritora, inclusive escrevi um livro, mas ainda nem tentei publicar. Tenho milhares de ideias na cabeça de livros posteriores, e pretendo dar ênfase ao meu sonho ainda esse ano <3

    Amei, estou seguindo! Beijos :*
    BLOG ~~> Kiss of Gloss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii Alícia!
      Que bacana! Espero que tenha te ajudado de alguma forma.
      Muito sucesso para você e para os seus futuros livros!

      Beijo

      Excluir